História da Emancipação Política de Venturosa



No início era apenas uma fazenda do proprietário José Antunes Bezerra, que ao atravessar um grande período de seca, recebeu de despedida de um amigo um esperançoso “boa sorte” para suportar tamanho castigo provocado pela estiagem. Coincidência ou não, o dono da fazenda conseguiu suportar o longo período de seca sem perder o seu rebanho de gado. Sorte na qual José Antunes atribuiu as palavras de despedidas do amigo, e assim nomeou a sua fazenda de Boa Sorte.  
Algum tempo depois, a pequena fazenda cresceu e se transformou em lugarejo que mais tarde veio a se chamar de povoado Boa Sorte, posteriormente, passou a categoria de vila, e em seguida de Distrito do município de Pedra/PE.

E por consequência da existência de uma outra vila no estado de Alagoas com o mesmo nome(Boa Sorte), fazendo com que houvesse troca de correspondências, para solucionar esse problema, o distrito de Boa Sorte passou a se chamar de Venturosa (sinônimo de boa sorte) pelo decreto-lei estadual n° 952, de 31/12/1943. E em 31/12/1958 pela lei estadual n° 3.340 passou a ser município, mas só em 20/03/1962, Venturosa passou a categoria de cidade.
Share on Google Plus

About Venturosa Trezentos

0 comentários:

Postar um comentário

Comente aqui a sua opinião sobre a matéria ou sobre o Blog: